MPPE recepcionará relatora da ONU para Excuções Sumárias

Execuções sumárias foi tema de reunião ocorrida nesta segunda-feira (28), entre os promotores de Defesa da Cidadania Westei Conde e José Edivaldo da Silva e representantes da organização não-governamental Justiça Global. No encontro foi discutida a programação da vinda ao Brasil da relatora da ONU para Execuções Sumárias, Asma Jahangir, que será recepcionada, em Recife, pelo Ministério Público de Pernambuco. Ela chegará ao país no dia 16 de setembro. Também ficou firmada uma parceria entre a ONG e o MPPE para que haja troca de informações que constará em relatório destinado à Asma Jahangir.

O Centro de Justiça Global que promove justiça social e de Direitos Humanos através de pesquisas, elaboração de documentos e relatórios, é peticionário de vários casos frente ao sistema interamericano de proteção dos Direitos Humanos e encaminha denúncias aos mecanismos especiais das Nações Unidas. A ONG elabora relatório anual e o próximo, com lançamento previsto para o início de setembro, conta com apoio do MPPE. “Para a elaboração do próximo relatório que será apresentado à relatora da ONU para execuções sumárias, o Ministério Público encaminhará à Justiça Global informações sobre os casos de extermínio que ocorreram em Timbaúba e Paudalho”, disse a advogada e pesquisadora da Ong, Adriana Carvalho.

O MPPE também apresentará relatório próprio com casos de execuções sumárias ocorridas nos municípios de Itambé, Petrolina, Jaboatão e também de Timbaúba e Paudalho. Asma Jahangir visitará São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Bahia, Pará, Espírito Santo e Pernambuco, que será sede para os demais estados nordestinos apresentarem seus casos. Segundo a representante do Centro de Justiça Global, entidades de todo o país estão se articulando para apresentarem também seus relatórios sobre casos de execuções em seus estados.


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /app/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 399

Deixe uma resposta