Flores recebe projeto Ministério Público nas Ruas

26/09/13

Dezenas de professores, estudantes, líderes políticos, comunitários e religiosos de Flores (Sertão do Pajeú) participaram na manhã desta quinta-feira (26) do lançamento do projeto Ministério Público nas Ruas, que é coordenado pelo promotor de Justiça Marco Aurélio Farias. Durante o evento, na quadra poliesportiva da Escola Municipal 11 de Setembro, o procurador-geral de Justiça Aguinaldo Fenelon voltou sua atenção para os estudantes do segundo grau da rede pública de ensino.

“Vocês representam o presente e o futuro desta cidade, de Pernambuco e do nosso País. Vocês são a chama da mudança para uma sociedade melhor e mais justa. Este encontro constitui o primeiro passo de uma longa caminhada rumo a um futuro melhor, porque tudo começa na educação”, saudou o procurador-geral. Em seguida, disse que “quando os governos constroem presídios estão dando um atestado de fraqueza diante dessa triste realidade social. Mas quando erguem uma escola pública, plantam uma semente de esperança em dias melhores”.

Por sua vez, o vice-prefeito de Flores, Francisco Pereira Lima, ressaltou a iniciativa do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) de ir ao encontro da sociedade para levar cidadania. “Esse encontro de hoje é um exemplo de inclusão social dado por esta instituição que se mostra inovadora ao fortalecer a cidadania dos pernambucanos”. Para Pereira Lima, “este é um momento de reflexão para os jovens sobre tudo o que foi dito aqui”.

Marco Aurélio lembrou que o projeto Ministério Público nas Ruas “abre novos caminhos, otimizando políticas públicas e fortalecendo as garantias coletivas da sociedade”. Também dirigindo-se aos estudantes, o promotor de Justiça afirmou que “a educação transforma sonhos em realidade”. Já o coordenador do Centro de Apoio às Promotorias de Defesa da Saúde (Caop-Saúde), procurador de Justiça Paulo Lapenda, destacou a importância do diálogo, do compartilhamento de ações e da parceria com autoridades e instituições na construção de uma sociedade mais justa.

Durante o encontro, o promotor de Justiça Paulo Augusto Freitas apresentou as bases do projeto Municípios pela Segurança Pública, de sua autoria, mostrando aos prefeitos que as dez ações previstas são simples, mas eficazes no combate à criminalidade. Na opinião da vereadora Jane Lucas, o procurador-geral “tem transformado o MPPE numa instituição mais cidadã e cada vez mais próxima da sociedade”.

Na sua parte do evento, dez lideranças políticas, comunitárias e estudantis encaminharam as demandas da sociedade florense ao procurador-geral, em busca de soluções. Participaram do encontro os promotores de Justiça Daniel Ataíde, Felipe Akel, Mário Gomes de Barros, Liana Menezes, Marco Aurélio Farias e Paulo Augusto Freitas; o procurador de Justiça Paulo Lapenda; o vice-prefeito de Flores Francisco Pereira Lima; o prefeito de Calumbi, Erivaldo José da Silva; os vereadores Abel Queiroz, Jane Lucas e Alberto Ribeiro; o presidente do Rotary Internacional, professor Mário Antonino; e o ex-governador do Distrito 4.500 do Rotary Internacional, Aluísio Freitas.


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /app/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 399

Deixe uma resposta